Coxim, MS
9 de julho de 2020
Plantão
67 9 9659 6042

Assessor político há 11 anos, Marcilon Marçal pede exoneração para concorrer a cargo de vereador

Foto: Divulgação

Funcionário da Câmara Municipal de Coxim desde outubro de 2009, o microempreendedor Marcilon Marçal Siqueira, de 36 anos, pediu exoneração do cargo de assessor parlamentar para se candidatar a vereador nas eleições deste ano. Nascido e criado em Coxim, Marcilon é proprietário e administrador de um lavajato há sete anos e diz que está preparado para assumir uma vaga no quadro de parlamentares, levando em conta a vasta experiência que adquiriu ao longo dos anos.

“Em 2008, fui convidado pelo presidente Vladimir Ferreira (PT) para ajudá-lo na campanha e, após três tentativas como candidato, ele teve um êxito de 100% de aproveitamento. Somos amigos desde 2004 e eu já o acompanhava, participava de grupos políticos e trabalhava em campanhas. Então isso acabou despertando o interesse do Vladimir e ele me fez o convite. Participei da campanha, ele foi eleito e, em 2009, quando assumiu como vereador, me fez o convite para fazer a assessoria dele. Desde então estou com ele. Já são três mandatos, encerrando o último neste ano”.

Marcilon conta que, nas campanhas, sua função era gerenciar os grupos políticos, trabalhando nas estratégias de campanha. “Como assessor, passei a atender o público na câmara. Todas as demandas que surgiam eram encaminhadas para que eu resolvesse. Eu tive várias experiências como assessor parlamentar ao longo dos anos, participando da rotina de vários setores. Acumulei aprendizados e hoje me sinto preparado para assumir uma vaga como vereador na câmara”, afirma o ex-assessor parlamentar, lembrando que ele faz parte da chapa de Vladimir, que entra na disputa pelo cargo de prefeito nas eleições deste ano.

“Aprendi bastante com o Vladimir, um cara muito inteligente. Aceitei o convite para compor a chapa e sou pré-candidato a vereador pelo PT (Partido dos Trabalhadores). Me sinto preparado para ser um vereador que conhece as necessidades da população e responde à altura. Sempre atendemos as pessoas com muito carinho e responsabilidade, encaminhando as demandas e buscando uma solução”.

Segundo Marcilon, questões sociais estão entre as principais demandas da câmara, incluindo o auxílio para famílias em situação de pobreza. “Temos que fazer um trabalho, criar uma política junto à prefeitura, ao Estado e ao Governo Federal para tirar essas pessoas da miséria. No meu mandato, se Deus permitir, vou tratar as coisas com muita responsabilidade e respeito ao próximo. O papel do vereador é fiscalizar o Poder Executivo, além disso, quero fazer um trabalho transparente para toda a população”, conclui.

print

Comments

comments