Coxim, MS
24 de agosto de 2020
Plantão
67 9 9659 6042

60% dos brasileiros têm problemas de sono durante a pandemia, diz pesquisa

Falta de sono se tornou queixa frequente nos consultórios médicos. Foto: Chris Andrews/Getty Images

Um estudo que busca compreender o impacto da Covid-19 na vida dos brasileiros, depois de mais de 150 dias de distanciamento social, revelou que 60% dos entrevistados tiveram falta de sono ou dificuldade de dormir durante a pandemia. O relatório Zeitgeist da Pandemia: O Espírito desse Tempo e Visões de Futuro foi lançado pelo estúdio de pesquisa Talk Inc.

Sobre saúde emocional, o levantamento mostrou que 55% dos entrevistados sofreram de crise de ansiedade ou pânico no período, 55% tiveram sensação de vazio e solidão, 40%, algum tipo de compulsão e 30%, crise de choro sem motivo aparente. Entre os que estavam passando por isolamento rígido, os problemas de sono e as crises de ansiedades se mostraram maiores ainda, e subiram para 64% e 66% das pessoas, respectivamente. Em maio, matéria da Vejinha tratou sobre insônia na quarentena.

Amplo, o estudo passeia por diferentes aspectos para falar do impacto da pandemia. Entre os entrevistados que estão saindo de casa em pelo menos um a cada sete dias (87%), 49% haviam ido a casa de amigos na semana da pesquisa e 36%, a igrejas e templos. Do total de entrevistados, 22% afirmou também que só voltará a pegar um avião quando houver uma vacina contra a Covid-19.

A pesquisa foi realizada em julho em duas etapas. Uma qualitativa, com doze grupos de discussão online, e outra quantitativa, com 1.354 pessoas de 18 a 65 anos ou mais, das classes ABCDE, de todas as regiões do país, por meio de um questionário on-line.

print

Comments

comments