Coxim, MS
22 de junho de 2020
Plantão
67 9 9659 6042

Suspeito de tentar matar e quase decepar as mãos da ex com facão em Costa Rica é preso no Tocantins

O rapaz foi preso escondido na casa de familiares (Foto: Divulgação)

Foi preso no domingo (21), em Almas (TO), Gabriel Matos da Silva, de 26 anos. O rapaz é apontado pela polícia como autor de tentativa de feminicídio contra a ex-namorada, de 20 anos, crime que aconteceu último dia 12 em Costa Rica.

Segundo as informações da polícia, o rapaz estava se escondendo na casa de familiares. De acordo com o delegado Gustavo Mendes, titular da Delegacia de Polícia Civil de Costa Rica e responsável pelo inquérito, após o crime, os investigadores da cidade iniciaram os trabalhos de busca na tentativa de localizar o paradeiro do agressor. A Polícia Civil teve apoio do Ciof (Centro Integrado de Operações de Fronteira) e do setor de Inteligência da corporação, que auxiliaram na localização.

Conforme as informações do MS Todo Dia, Gabriel estaria na cidade natal, no Tocantins. Assim, as equipes de investigação passaram a trocar informações com as forças de segurança daquele Estado, para que fosse possível a prisão. “A gente ia fazendo um intercâmbio de informações”, pontuou o delegado.

Gabriel foi encontrado na rua, nas proximidades da casa de um irmão. “Desde o início, trabalhávamos nesse caso, para que ele fosse encontrado e preso”, explicou o delegado. O rapaz foi encaminhado para a Delegacia Regional de Dianópolis (TO), onde permanece detido. Agora, a Justiça irá providenciar autorização da transferência dele para Mato Grosso do Sul, para que seja ouvido e possa responder pelos crimes.

“A localização e captura de Gabriel era prioridade da nossa equipe por conta do iminente risco à integridade física e à vida da vítima e dos familiares, que, inclusive, também chegaram a ser ameaçados pelo suspeito”, afirmou o delegado.

Tentativa de feminicídio

Na madrugada do dia dos namorados, equipes da Polícia Militar foram acionadas pela mãe da jovem de 20 anos. Ela contou que a filha estava deitada na cama com o filho de dois anos, quando o autor invadiu a casa armado com o facão. Em seguida, ele começou a golpear a vítima, que utilizou os braços para se defender, e fugiu pulando o muro.

A vítima sofreu ferimentos graves nas mãos. A mãe contou para a polícia que um vizinho ajudou a socorrer a jovem e a levar primeiramente ao hospital em Costa Rica. Em seguida, ela foi transferida para Campo Grande.

Apoio do Ciof

O delegado destacou apoio do Ciof em MS. Inaugurado em dezembro de 2019, o Centro Integrado de Operações de Fronteira é um projeto estratégico do Ministério da Justiça e Segurança Pública – conduzido pela Secretaria de Operações Integradas (Seopi) com o apoio de Itaipu Binacional, objetiva intensificar e fortalecer a integração entre os agentes de segurança pública no combate ao crime organizado transnacional, atuando também com operação ostensiva e auxílio das investigações.

print

Comments

comments