Coxim, MS
20 de maio de 2020
Plantão
67 9 9659 6042

Famosa, labradora Cindy do 5º SGB de Coxim faz sucesso durante buscas por corpo em Campo Grande

A labradora Cindy que pertence ao canil do 5º SGB/Ind (Sub grupamento Independente de Bombeiros de Coxim) atraiu a ação de vários moradores do bairro Jóquei Clube, em Campo Grande, na manhã desta quarta-feira (20), durante buscas por um corpo.

A esquerda, Cindy com o Sargento Luciclei do 5º SGB/Ind de Coxim.  (Foto: Divulgação/Imprensa)

Cindy foi um dos três cães utilizados nas buscas pelo corpo da vendedora Graziela Pinheiro Rubiano, de 36 anos desaparecida há 45 dias. A suspeita é de que a mulher tenha sido assassinada pelo marido Rômulo Rodrigues Dias, de 33 anos, que está preso preventivamente desde o dia 19 de abril a pedido da Polícia Civil, conforme informações do site Campo Grande News.

Os outros dois cães são, Mali (pastor alemão e Laika (pastor holandês), os animais chamaram bastante atenção da vizinhança, mas Cindy foi a mais requisitada para fotos.

A cadela já encontrou um corpo nove meses depois da tragédia do rompimento da barragem de resíduos de minério em Brumadinho, em Minas Gerais.

As buscas foram realizadas na edícula onde Graziela morava com Rômulo, mas nada foi encontrado pelos cães farejadores.

A perícia também avaliou a estrutura do imóvel, à procura de marcas em paredes e terra remexida, principalmente perto de uma fossa no terreno. O casal morava na edícula há dois anos e meio e, segundo os vizinhos, tinha uma rotina tranquila, sem brigas que chamassem a atenção.

Foto: Divulgação/Imprensa
print

Comments

comments