Coxim, MS
24 de junho de 2019
Plantão
67 9 9659 6042

Presa mãe que matou bebê de 1 anos e dois meses ao jogá-la na parede

Foto: Maikon Leal

A Polícia Civil de Costa Rica prendeu Jaqueline Garcia Vieira, na tarde desta segunda-feira (24), suspeita de ter matado a própria filha Emanuelly, de 1 ano e dois meses, no dia 19 de maio, na cidade goiana de Santa Rita do Araguaia (GO).

De acordo com o delegado Alexandro Mendes de Araújo, Jaqueline foi encontrada na área central de Costa Rica, na casa dos pais. “Contra ela havia mandado de prisão preventiva expedido pelo poder judiciário de Goiás”, comentou o delegado. A prisão será comunicada à justiça, para que ela possa ser transferida.

Gabriel Felizardo, padrasto da criança, inicialmente assumiu o crime para acobertar a esposa Jaqueline. O homem havia alegado à polícia que na data dos fatos chegou em casa embriagado, espancou a criança e depois acordou a mãe, dizendo que a vítima havia caído da cama. Emanuelly chegou a ser hospitalizada, mas morreu.

Durante as investigações, foi descoberto que Gabriel tentou proteger a mulher imaginando que ela estaria grávida e que, por esta razão, não seria adequado que fosse presa. No entanto, Jaqueline acabou confessando que teria matado a filha depois de jogá-la na parede várias vezes. A mulher foi indiciada  pela morte, e Gabriel vai responder por auto acusação falsa.

print

Comments

comments