Coxim, MS
11 de janeiro de 2019
Plantão
67 9 9659 6042

Dengue matou 4 pessoas no ano passado em MS

Mato Grosso do Sul encerrou o ano passado com 9.631 notificações de casos de dengue, quatro mortes e ainda dois óbitos estão sob investigação da SES (Secretaria de Estado de Saúde). Os dados compõem o boletim epidemiológico emitido pela pasta na quinta-feira (10/1).

No ranking dos municípios com graus de incidência, Dourados ocupa a 56ª posição com 127 notificações.

No topo da lista está Três Lagoas, com 5.186 notificações, Costa Rica com 159 e Selvíria com 40. O posicionamento do município é determinado pelo número de casos a cada 100 mil habitantes. No caso das cidades com população inferior a esse quadro, realiza-se o cálculo proporcional.

Apenas quatro municípios não tiveram registros. São eles: Tacuru, Laguna Carapã, Jateí e Anaurilândia.

Os dados da dengue no Estado são analisados desde 2010, quando foram notificados 82.597 casos.

Em 2018 quatro pessoas morreram vítimas da doença. Os óbitos ocorreram em Três Lagoas (3) e Anaurilândia (1). Outros dois casos de morte ainda são investigados em Três Lagoas.

A dengue é uma doença transmitida pelo mosquito Aedes Aegypti. Ela causa febre alta, erupções cutâneas e dores musculares e articulares. Em casos graves, há hemorragia intensa e choque hemorrágico.

 

print

Comments

comments