Coxim, MS
13 de dezembro de 2018
Plantão
67 9 9659 6042

Em MS, 39 municípios estão em situação de alerta ou risco para dengue, zika e chikungunya

O Ministério da Saúde divulgou nesta quarta-feira (12) o novo Levantamento Rápido de Índices de Infestação pelo Aedes aegypti (LIRAa), e o resultado coloca 39 municípios de Mato Grosso do Sul em situação de alerta ou risco para dengue, zika e chikungunya.

Ainda conforme o levantamento, Campo Grande está em situação de alerta. Outras 31 cidades do estado apresentam o mesmo quadro e 40 estão em situação satisfatória. Segundo o Ministério da Saúde, em MS, 725 criadouros foram encontrados em depósitos de lixo, 634 em depósitos familiares e 257 em depósitos de água.

O presidente Michel Temer e o ministro da saúde, Gilberto Occhi, entregaram mil caminhonetes para várias regiões, como medida de combate ao mosquito. Mais de R$ 109 milhões foram investidos na compra dos veículos, que terão o fumacê acoplado para as ações.

Na ocasião, o ministro lançou o Sistema Integrado de Controle de Vetores (SIVector), que vai realizar o monitoramento com informações georreferenciadas para o controle do Aedes aegypti e Aedes albopictus.

print

Comments

comments